Promoções da Black Friday: Dicas para gerir o orçamento

Quatro conselhos para gerir o seu orçamento durante a Black Friday

Começou por ser uma tradição típica da cultura e da economia nos EUA, mas rapidamente expandiu-se pelos quatro cantos do mundo. A Black Friday – que este ano se comemora a 25 de novembro – é sinónimo de descontos e promoções, levando a que este seja o melhor dia de vendas do ano para muitas empresas. A Twinkloo dá alguns conselhos para os consumidores aproveitarem as promoções da Black Friday.

Embora esta seja uma oportunidade interessante para os consumidores anteciparem as suas compras de Natal e pouparem algum dinheiro (aproveitando as descidas de preços), é importante terem em conta algumas recomendações para fazerem as melhores escolhas durante as promoções da Black Friday. O objetivo é assegurar uma boa gestão do orçamento familiar e evitar o endividamento excessivo.


Numa altura em que a generalidade das famílias portuguesas lida com o aumento dos encargos mensais relacionados com o crédito à habitação e se depara com uma escalada dos preços de bens e serviços, todas as despesas e consumos não programados ou não essenciais devem ser bem ponderados.

1. Estabeleça um orçamento e defina os artigos que quer comprar durante a Black Friday

Faça o trabalho de casa e delineie uma estratégia para otimizar as promoções da Black Friday. O objetivo é fazer compras inteligentes, nas quais obtenha poupanças consideráveis e que consigam colmatar uma necessidade da família. Nesse sentido, para evitar a dispersão da sua atenção por produtos que não precisa e diminuir a probabilidade de fazer compras por impulso, deve estabelecer um orçamento máximo para gastar. Da mesma forma, defina uma lista de artigos/produtos que deseja comprar.

2. Utilize os sites comparadores de preços

Entre os artigos mais procurados pelos portugueses durante as promoções da Black Friday estão, de acordo com este estudo, os equipamentos eletrónicos, roupa e bens para o lar. Para todos eles é importante fazer a monitorização antecipada dos preços para que os consumidores tenham uma noção do desconto real aplicado durante as promoções da Black Friday. Para saber se o preço anunciado é efetivamente um bom negócio e representa uma poupança interessante utilize os sites comparadores de preços (como o Kuanto Kusta).

3. Compre em lojas seguras

Para evitar ser alvo de fraudes e burlas cibernéticas – muito comuns durante estas épocas – se optar por fazer compras online durante as promoções da Black Friday escolha lojas online seguras e de confiança. Se encontrou um artigo com um preço demasiado atrativo numa loja que não conhece, desconfie: deve informar-se e obter referências antes de fazer uma transação. Um bom barómetro a ter em conta para este efeito são as opiniões deixadas por outros utilizadores em sites como o Portal da Queixa.

4. Leia as condições aplicadas pela loja

Muitas vezes, no entusiasmo da compra, os consumidores esquecem-se de alguns detalhes importantes como as condições praticadas pela loja no que se refere às garantias, à devolução de produtos ou às formas de pagamento. Para evitar surpresas desagradáveis no pós-venda, certifique-se que tem conhecimento sobre este tipo de detalhes.

Resumindo: no atual contexto de aumento de encargos, perda do poder de compra e aumento da incerteza sobre o desempenho das economias é importante assegurar que as decisões de consumo são bem pensadas e não conduzem a uma situação de endividamento excessivo. Se necessitar de recorrer ao crédito ao consumo, escolha uma solução que lhe permita pagar o financiamento no menor prazo possível (desta forma pagará menos juros) e utilize a taxa anual de encargos efetiva global (TAEG) e o montante total imputado ao consumidor (MTIC) para comparar diferentes propostas de crédito. Se tem dúvidas sobre qual é a melhor solução de crédito pessoal para o seu caso, conte com a Twinkloo para ajudá-lo nesta tarefa.

LIGUEM-ME
GRÁTIS