Comprar imóvel: a diferença entre um intermediário e o banco?

Está decidido: quer mesmo comprar imóvel. Fez contas às suas condições, percebeu que neste momento tem oportunidade de pedir um Crédito Habitação e que a longo prazo comprar casa acaba por ser mais económico. Além disso, verdade seja dita, sempre teve esse sonho. Agora só falta avançar. Mas por onde começar? Será mais conveniente ir ao seu banco ou optar pela intermediação de crédito? Saiba quais são as diferenças.

Concessão de crédito

  • Intermediário de crédito

Primeiro, é preciso perceber que um intermediário de crédito autorizado é um mediador que faz a ligação entre uma entidade financeira e um cliente. Isto é, não pode conceder empréstimos. No entanto, pode ajudar no restante: consultoria, procura de soluções de crédito, atos preparatórios do contrato ou negociação.

  • Instituição financeira

A entidade financeira é o banco ou a instituição de crédito que irá conceder o empréstimo para comprar imóvel, seja através de um intermediário de crédito autorizado ou diretamente com o cliente.

Aconselhamento

  • Intermediário de crédito

Um intermediário tem uma visão abrangente das opções de Crédito Habitação que existem no mercado. Deste modo, apresenta diversas alternativas e aconselha de forma isenta qual a melhor para a situação particular. Isto, tanto profissionais independentes como intermediários vinculados, pois alguns têm acordos com várias instituições e podem oferecer uma orientação mais ampla.

  • Instituição financeira

No caso das entidades concessoras de crédito, estas irão limitar-se às ofertas de crédito para comprar imóvel que têm disponíveis. Contudo, dentro das alternativas que dispõem, terão sempre o cuidado de aconselhar e apresentar as mais adequadas para as condições e o propósito do cliente.

Acompanhamento

  • Intermediário de crédito

Os profissionais da intermediação de crédito acompanham o cliente de uma maneira mais personalizada, analisando as circunstâncias e os objetivos particulares e trabalhando a partir dessa referência. Além disso, contam com a experiência de lidar com diferentes pessoas, o que ajuda a prever situações e a saber apoiar na sua resolução. Juntando a isto a vantagem de conhecer os trâmites e as instituições, conseguem respostas mais objetivas e resultados mais céleres.

  • Instituição financeira

As entidades financeiras conhecem, melhor do que ninguém, o que é preciso para avançar com um empréstimo e todas as condições do mesmo. Portanto, é garantido que providenciam um acompanhamento especializado no pedido de crédito para comprar imóvel. Contudo, é possível que possa ser um pouco mais moroso, não só porque podem precisar de mais tempo de análise, como também porque podem existir circunstâncias que não estavam previstas e que o cliente precisa de resolver.

Condições

  • Intermediário de crédito

Em comparação ao cliente, os intermediários de crédito autorizado por vezes conseguem condições mais vantajosas nas taxas, comissões e produtos associados aos créditos para comprar imóvel. Por exemplo, os intermediários de crédito a título provisório, como as imobiliárias ou os vinculados, têm acordos para taxas mais baixas em determinadas instituições. Também os independentes podem ter margem e poder de negociação, pois ao oferecer outros benefícios às instituições, como poupar tempo (em análises ou acompanhamento) e aconselhar os créditos da mesma, garantem outras vantagens.

  • Instituição financeira

Embora o cliente tenha a possibilidade de negociar, por exemplo, o spread, os produtos associados ou o pagamento de comissões, geralmente a negociação é mais complicada. No entanto, não é impossível, especialmente se estiver bem informado. Além disso, pode ajudar ter alguns trunfos, como uma boa situação financeira, uma boa percentagem de entrada, fiador e um bom histórico com a instituição de crédito.

Por fim, para mais informação sobre Crédito Habitação visite o site do Banco de Portugal.

Fale agora com a Twinkloo e fique a saber como garantir um crédito à sua medida.

LIGUEM-ME
GRÁTIS