Quais as Comissões Iniciais cobradas pelos Bancos

Cada banco pratica determinadas comissões iniciais no decorrer do processo de Crédito Habitação, é importante conhecer as diferentes propostas bancárias antes de tomar a sua decisão final.

Assim, se pretende avançar com esta operação, conte com um conjunto de encargos associados à entidade bancária que escolher.

Comissões:

Comissão de Abertura

Comissão de abertura, comissão de dossier ou comissão de estudo significa o mesmo, esta corresponde aos custos de preparação e de análise do crédito. Tenha atenção, pode ter que pagar esta comissão mesmo que o crédito não lhe seja aprovado.

Varia de banco para banco, independentemente do valor de financiamento.

Comissão de Avaliação

A avaliação do imóvel é uma etapa obrigatória, por norma, esta é realizada pelo banco através de um avaliador externo. O custo fica a cargo do cliente e varia também de entidade para entidade, em média ronda os 200€ a 250€.

Comissão de Solicitadoria

Nem todos os bancos cobram este serviço, está relacionado com o tratamento da documentação recebida e formalização posterior.

Comissão de Formalização

O valor desta comissão é pago no momento da formalização do contrato de crédito, diz respeito aos gastos administrativos e burocráticos incorridos pela entidade bancária.

Ao contrário da comissão de abertura, esta comissão só é paga caso o crédito seja efetivamente formalizado.

Concluindo,

Na compra de habitação própria permanente o financiamento máximo por norma é de 90%, no entanto, para além da entrada de 10% com capital próprio, terá outros custos ao longo de todo o processo.

Por isso, tenha atenção às diferentes comissões iniciais cobradas pelas entidades bancárias, podem variar em largas centenas de euros, e como sabemos tudo conta para a poupança final!

Por fim, para mais informação sobre Crédito Habitação visite o site do Banco de Portugal.

Fale agora com a Twinkloo e fique a saber como garantir um crédito à sua medida.

LIGUEM-ME
GRÁTIS